sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Matrimónio





Lampejo de Glória
Vestida de Branco
Preza a História
Do memorial e o seu Manto
Que abriga o Pranto
De exorcismo ao Santo
Que a salva de Nada
E é dizer Tanto!
De Noiva a Desposada
De Verdade Encerrada
Augúrio de desonra Abraçada
O que Esperançar
De Quem se Casa
Já Divorciada?

Sarah Moustafa

2 comentários:

  1. Oi amiga, tudo bem? Vim visitar teu
    blog e aproveito para dizer que
    voltei a postar em meu blog. Convido-te
    a fazer uma visitinha, pois estás
    fazendo muita falta. Aguardo-te.
    Abraços do amigo Bicho do Mato.

    ResponderEliminar