segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Grand Finale




Estou a espera nesta sala de cinema vazia e tão escura
Que apareças , há um ano que quero usar estes bilhetes
Que te sentes comigo e em silêncio apenas observes
A imagem, o som, a paisagem, a performance
De uma história perfeita mas tão mal realizada
Não julgues, Não desapareças , isto não é só sobre o que sentes
Vê comigo as falhas conjuntas neste roteiro
É demasiado, reconhecer ?
E dizer apenas... Desculpa. Sei que podíamos ter feito bem melhor.
Não precisas de palavras, a sala tem as luzes apagadas
E eu sei reconhecer o que confessam os teus olhos .

Sabes tu dos meus?








Sarah Moustafa

Sem comentários:

Enviar um comentário