sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Encarnação



Noutra Vida 
Sei que fui Alguém
Pudera as Certezas
Serem altas e não ditas
De Outrem
Mas sei...Sei que Fui tanto
Que Lágrimas Debulham-se em Pranto
Em memória a qualquer Canto
Que a Melodia Eclode
Gritante de Som Mudo Que Envolve
Á Dourada Viagem
Esfingica Miragem
Histórias de Conto e Coragem
Incorre as Areias do Tempo
De encarnar a verdade de uma Personagem
Reflexa ou não da minha Imagem?

Sarah Moustafa

2 comentários:

  1. As nossas vidas passadas, para nós, agora,são um mistério. Bjus linda.

    ResponderEliminar
  2. Passamos por este MUNDO sendo tantos outros que não nós... talvez seja para evoluirmos nosso espírito rudimentar... Linda esta tua reflexão.
    Abraços

    ResponderEliminar