terça-feira, 23 de maio de 2017

Décor .




Imagino como será esse esconderijo
onde me trancaste,  tão fundo em ti
onde me guardas segura
no baú dos teus tenebrosos
segredos.

Tenho esta curiosidade mórbida,

pois se tenho que passar uma eternidade,
nessa misteriosa moradia

Deixa-me escolher o papel de parede ,
E a cama onde entras voraz
Todas as noites
E decorar-te ,
Todo,
por dentro
com a estridência
e o encanto das palavras
De que és Pai.


Sabes que eu tenho bom gosto.







Sarah Moustafa 

Sem comentários:

Enviar um comentário