quarta-feira, 4 de julho de 2012

Super Homem






Nas divagações da imaginação costumava desejar ardentemente ter em mim algo de sobrenatural.
Voar os céus? Ser indestrutível? Lutar contra os maus e vencer sempre??
Quem não o desejaria?
O Super-Homem era de facto uma personagem que encaixava com perfeição nos meus anseios, no entanto a medida que fui crescendo e me deparando com uma serie de situações conclui , e felizmente que o fiz, que o verdadeiro Super-Homem está encarcerado dentro de nós.
Cativo na jaula que construímos e que tão dificilmente nos permitimos abrir. A chave desta prisão está diariamente nas nossas mãos, na nossa consciência,  mas chega o fim do dia e volta para o fundo da mala, e porquê?
Porque somos fracos, comodistas na nossa propria desgraça, catalisadores do nosso infortúnio , egoístas ao supremo pois nessa opção de viver deixamos sempre danos colaterais.
As repercussões atingem severamente aqueles que nos são próximos.
Somos todos heróis, a semente do guerreiro, é implantada assim que nos formamos em embrião.
A pior das batalhas é aquelas que travamos connosco mesmo, com os vilões e os Lex Luthor interiores.
Está tudo cá dentro, as respostas, as soluções do insolúvel!
Agarra na maldita da chave e LIBERTA TE!

Sarah Moustafa

Sem comentários:

Enviar um comentário