segunda-feira, 21 de agosto de 2017

A mesma hora, no mesmo Lugar





é bom voltar a escrever-te
como um búzio encostado ao meu ouvido,
entoando a música da minha maior fantasia ,
estás mesmo ai ?
é esta a tua voz embriagada,
que num grito atrapalhado
me chama ,
 anda cá ! ?
Preciso de ti !

é bom voltar a ler - me.
desiludir-me,
sem nunca me desapaixonar.

 devíamos conversar sobre isto ,

encontramo-nos,
á mesma longa hora ?
Aqui ?

Na corrente do Diabo,
toca do nosso favorito
pecado .




Sarah Moustafa

Sem comentários:

Enviar um comentário