segunda-feira, 30 de junho de 2014

Músicas que nos traduzem #8






" It's not a silly little moment,
It's not the storm before the calm.
This is the deep and dying breath of
This love that we've been working on "



" We're going down,
And you can see it too.
We're going down,
And you know that we're doomed.
My dear,
We're slow dancing in a burning room..." 





John Mayer - Slowdancing in a burning room.







" Don't you think we oughta know by now?
Don't you think we shoulda learned somehow?
Don't you think we oughta know by now?
Don't you think we shoulda learned somehow?
Don't you think we oughta know by now?.... "






Sarah Moustafa



Heart Notes #14




Are you in touch with your inner wilderness? 






Have a Great, Sunny, Rawww Monday!


<3




Sarah Moustafa

Faces da Lua #9






I'm a lost child trapped in the woods
Past behind
Ohh... fantasy why're so sweet ?
Why do you walk on my feet ?
I'm a wild heart, ripped apart
I am torn 
And my spirit is made of art
I write but i cant'read
i'm falling on my own words
And I can't speak....







Sarah Moustafa

Ups.






Sarah Moustafa

domingo, 29 de junho de 2014

Arritmias #14




Porque é o que te permite continuar mesmo quando hesitas e páras.
Mesmo quando cais e permaneces deitado.
Quando dói e acreditas que o ar já acabou. .

O que achas que o faz por ti ?

Respira, mesmo quando pensas que até ele é mentira.


Apenas Respira.






Sarah Moustafa

I've got the travel bug.








Where to next ?


Can you Guess?





Sarah Moustafa 

Músicas que nos traduzem #7




" Have you take your hand, and feel your breath

For fear that someday will be over

I pull you close, so much to lose


Knowing that nothing lasts forever

I didn't care, before you were here

I danced in laughter with the everafter

But all things change, let this remain.... "



Pearl Jam- Sirens







Oh, it's a fragile thing, this life we lead

If I think too much, I can't get over

Whelmed by the grace

By which we live our lives

With death over our shoulders

Want you to know, that should I go

I always loved you, held you high above, true

I studied your face, and the fear goes away

The fear goes away, the fear goes away

The fear goes away







Sarah Moustafa

sábado, 28 de junho de 2014

Porque as palavras falham #6





UPS.









Sarah Moustafa

Boa Noite






Desejar uma boa noite?

Ou levantar-me e ir vivê-la?

Procura-la, 

Seduzi-la

 E enfim...Trazê-la.

Comigo.

Por dentro.

Sentindo...

Fora de mim.

Arriscar.

Gritar.

Ficar.

Com ela.

Contigo.

Noite de retalhos de pele e cetim.

Desejar o desejo?

Ou aproximar-me e sorvê-lo?


Boa Noite .

O sabor da imaginação... é Belo.





Sarah Moustafa


Heart Notes #13





Story of our lives.

Never the big end Surprise.






Right ?






Sarah Moustafa

Músicas que nos traduzem #6




" Morning will come,
And I'll do what's right;
Just give me till then
To give up this fight...

And I will give up this fight. "




Bon Iver - I Can't Make you Love Me 





" I found Love 
I found Love Darling
Love In a Nick of time
  
Love In a nick of time...."






Sarah Moustafa

sexta-feira, 27 de junho de 2014

Bandeira Verde



Tenho sempre um nó no estômago quando os céus me amanhecem repetidamente azuis.
Solarengos, calmos e em pacificidade com o tamanho da amainada tempestade.
Tenho sempre um frenesim com esta bandeira verde içada no presente da minha apoteose.
Com o aroma de cravo e canela, o incenso, e odor maravilhoso da mesma vela que arde sem se desgastar.
E o coração que bate calmo mesmo quando acelera, o corpo que cede aos sonhos de aguarela.
Não sei mesmo como se vivem estes dias de Verão na Alma.
Os primeiros de uma estação que nunca me conheceu.
E agora que me apareceu em jeito de desafio, a brincar com as minhas certezas, a querer deitar cor em tudo que escureceu, como faço?
Ponho -me debaixo dos seus raios e rendo-me a fé que não tenho?

E se eles me queimam?

Pior.

E se eles me amam e eu a eles ?






Sarah Moustafa

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Músicas que nos traduzem #5






"..So while I'm turning in my sheets
And once again, I cannot sleep
Walk out the door and up the street
Look at the stars beneath my feet
Remember rights that I did wrong
So here I go..."




James Blunt - Same Mistake 







" I'm not calling for a second chance
I'm screaming at the top of my voice
Give me reason, but don't give me choice
Cause I'll just make the same mistake, again..."





Sarah Moustafa


Porque as palavras falham #5










Sarah Moustafa

quarta-feira, 25 de junho de 2014

Músicas que nos traduzem #4




" my song is love
my song is love unknown
and i'm on fire for you clearly
you don't have to be alone
you don't have to be on your own

and i'm not gonna take it back
and i'm not gonna say i don't mean that
you're the target that i'm aiming at
and i'm nothing on my own
got to get that message home... "



Coldplay  - A Message 




"...and i'm not gonna stand and wait
not gonna leave it until it's much too late
on a platform i'm gonna stand and say
that i'm nothing on my own
and i love you, please come home

my song is love, is love unknown
and i've got to get that message home. "





Sarah Moustafa

terça-feira, 24 de junho de 2014

Cálculo





Dos que foram
Quantos voltaram?
Quantas somas se subtraíram ?
Quantos encontros se despediram?
Quantos números se multiplicaram ?
Quantos nos lembraram?
Quantas lágrimas caíram
Quantas gargalhadas provocaram?

Em quanto fica a totalidade dos que nos marcaram?
Que divida de alma é esta que nos deixaram ?

Saldo negativo.

Nunca regressaram.






Sarah Moustafa

Heart Notes #12





YUP.








And that's why we love them so much too.









Sarah Moustafa

Filmes que nos inspiram








“I have hated words and I have loved them, and I hope I have made them right.” 








“Even death has a heart.”







" Words are life Liesel..."








Sarah Moustafa

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Faces da Lua #8


            
As fronteiras... Salvam-nos?

Ou fazem nos reféns das suas margens ? 



                  



                      Sarah Moustafa

Músicas que nos traduzem #3





" Old dream maker, you heartbreaker 

Wherever you're goin', I'm goin' your way 

Two drifters, off to see the world 

There's such a lot of world to see 

We're after the same rainbow's end,

 waitin' 'round the bend.... "





Sarah Moustafa

TU = Vocês


Tu que estás
Tu que já foste
Tu que ainda não vieste.
Tu que me sorris do outro lado da estrada
Tu que me sufocas nos gritos da madrugada
Tu, cujo o nome não me sabe a nada...
Tu que desapareceste.
Tu que me convenceste.
Tu que por hoje ainda não me morreste.

TU

Que de alguma forma já me leste.

O presente sem o saberes, já o aqui viveste.






Diz-me por onde te perdeste.









Sarah Moustafa 



domingo, 22 de junho de 2014

Músicas que nos traduzem #2







" You got that medicine I need
Fame, Liquor, Love give it to me slowly
Put your hands on my waist, do it softly
Me and God, we don't get along so now I sing... "



Lana Del Rey -  Gods and Monsters 





" When you talk it's like a movie and you're making me
Crazy 
Cause life imitates art
If I get a little prettier can I be your baby?
You tell me, "life isn't that hard" ....






Sarah Moustafa

sábado, 21 de junho de 2014

Keep Calm ..It's my Birthday !




Gosto de escrever porque gosto de me ler, e de cada vez que o faço, aproximar me de me verdadeiramente conhecer.
Gosto mesmo muito desta casa de telhado, felizmente, sempre inacabado, que vou construindo ou deitando abaixo, um pouco todos os dias.

2 aninhos , obrigado a quem me lê e nele me vê! ❤️




                        



                                                           Sarah Moustafa

O quê ? Onde ? Quem ?




O pesadelo comum é o sonho que me reluz
Se de normal tivesse a musicalidade da sinfonia que o coração seduz...
Se tivesse só por um dia, o que não tem...
Que seria desta minha luz na escuridão de alguém ?
Que corpo restaria da morte esquecida
Das noites trocadas por dias de azul e maresia ?
Que seria dos ossos sem fantasmas
Das trevas nascentes das minhas águas
O quê ? Onde?
Ficaria o reino de Hades
O rapto voluntário
Liberdade personificada na prata, veludo e grades !
A cama, a descoberta da pátria
E a sexualidade
A beleza sem padrão

As marcas da carne gravadas no chão
E as brasas fumegantes de intensidade


Quem....

Resistiria,

No paraíso & inferno da minha imaginação?



Esse... Que há muito me tomou a mão.



                   





                                                         Sarah Moustafa 

domingo, 15 de junho de 2014

Do's and Donts


I crave what is hard
I lie awake next to danger in my bed
I smoke reckless affairs
And breathe them away to dissolve
Into thin air
I carry baggage and know all the masks
I know the name, the shape, the face
You cant confess 
Im afraid but fears excites me
Drives me back to crash into myself
I turn on the damage and heal it
In the inches of my body where passion bursts
Dont tell me whats wrong
Dont tell me what is right
I despise the shinning armor knight
I dont want the fairytale
I want the nightmare so deep
No one dares to tell
Thats where you ll always find me
Thats where i hold my power
In my own spell.

                          




Sarah Moustafa

sexta-feira, 13 de junho de 2014

Para lá do que aqui está




No fundo da minha pele

Na fractura do meu osso

No rasgo do meu sangue

No principio do meu fim

E a roda da vida que sucede

Com ou sem a voz do meu sim !

No grito da minha dor

Ou no êxtase de todo o meu amor

Cresce a vontade 

A fome, o desejo e a saudade

De mim mesma 

Da criança que nasceu velha

E quer morrer nova

No cansaço, no medo, no terror

Nos dias, na luz solar que me doura

Alma de esplendor

No caminho do seja para onde for

Que seja !

Que faça !

Que não pare !

E Que vá !

Ser sempre seta em busca do alvo

Para lá do seu horizonte ...



Para lá do que sei de mim.






                         

               




Sarah Moustafa

terça-feira, 10 de junho de 2014

Heart Notes #11




Nothing lasts forever...But while it does, is everything.

Isn't that a piece of eternity no one can really lose ? 


Isn't lasting, after all,  just an excuse ? 


      
                            





                                                      Sarah Moustafa

domingo, 8 de junho de 2014

Fases da Lua #8



As pétalas da rosa murcha ganham cor na queda.
E a morte anunciada é vida reanimada.
Deixa de ser flor porque a rosa desfalece?
Os pés caminham sobre elas e não as pisam
A dor encarquilha mas não as aleijam
O vento... Arrasta mas a suavidade, o perfume intensificam se.
Ninguém verdadeiramente a esquece..

E o esboço é o retrato verdadeiro.
Que importa se só eu lhe sei o paradeiro.


                                 




                                                                  Sarah Moustafa

quinta-feira, 5 de junho de 2014

Arritmias #13




O maior acto de coragem é deixarmos alguém entrar, sabendo que existe 99% de probabilidade de ela não ficar.


E ainda assim, acreditar.


      
                        




                                                                      Sarah Moustafa

quarta-feira, 4 de junho de 2014

O futuro pertence te, o passado vence me.


Vá que eu diga que me importa.
Que me preocupa.
Que busco senão o teu paradeiro.
Vá que eu te encontre.
Que te olhe nos olhos , como se a visão dos mesmos, já não tivesse eu alimentado.
Vá que eu não finja. 
Que até não me afaste. 
Que te fale.
Que as palavras se artirculem na sintonia das suas verdadeiras intenções e não naquelas que camuflo não ter.
Vá que eu queira te querer.
Que me aproxime e deixe a química fazer genuinamente o seu trabalho.
Vá que me permita o prazer e o toque.
Que os lábios selem tudo o que não queria firmar.
Que os corpos consumem os atributos da sua natureza e que no lugar onde a memória persiste, nunca mais, te possa apagar.
Vá que te deixe ficar e pense duas vezes antes de voltar a voar.
Que eu seja e faça tudo, e esqueça até o sabor do meu mundo.
Que acenda a luz do quarto escuro onde gosto de sozinha me deitar ... e na solidão deixar estar...
E de alma nua te deixe entrar.
É o suficiente ? Beber te veneno e a cura encontrar ?
É o suficiente dar me, não sabendo sequer o que tenho para entregar ?
Vá que tenha.
Que a pele caia e outra nasça no seu lugar.
Vá que me transforme.
Que a tua certeza me assombre, motive e impressione
.
Que seja outra dentro daquela que já fui e de uma futura que seguramente vou criar.
É esta a fórmula para me deixar amar ?
E vá que seja. E vá que tu o vejas,
Não importa.



Já sei como este jogo vai acabar.

Antes de sequer começar.


                          

                        


Sarah Moustafa

domingo, 1 de junho de 2014

Fases da Lua #7

    



A escuridão tem fome de luz.

É assim que produz o brilho.



     
                          

                  





  Sarah Moustafa